quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Despedida


As mãos
tremiam e
os olhos
lacrimejavam.
Quando o trem
partiu
ele sabia que
não a veria mais.
Com ela foram
seus sonhos,
seus planos
sua alegria.
Ali ficou com o olhar
perdido na fumaça
que esvaia,
quando ouviu o último
apito
que anunciava sua
solidão.

Wanderley Elian

17 comentários:

  1. Querido Wanderley,
    A desepedida é uma merda!
    A sensação de perda é implacável.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  2. Bom dia meu amigo.
    Que poesia triste, um adeus que marca o início do vazio, da solidão.

    Tem um pedacinho de uma música de Adriana Calcanhoto que diz um pouco disso:
    "Você entrou no trem e eu na estação vendo o céu fugir"

    Beijos e linda quinta.

    ResponderExcluir
  3. Olá,Bem sabes que quando vi este trem partir e levar tantos passageiros,meus olhos lagrimejaram,a solidão casada com a saudade ainda persistem,de dias que o trem não trará nunca mais para a mesma estação que hoje está vazia.Beijos

    ResponderExcluir
  4. Sei bem o que é essa cena, os sonhos vão e nao voltam mesmo, e a gente fica aqui perdido na fumaça do temp...abraços amigo...otima quinta.

    ResponderExcluir
  5. Lindo demais!

    Até dá pra fazer uma associação com a música da Adriana Calcanhotto "Naquela Estação"

    Bjuxx

    ResponderExcluir
  6. "quando ouviu o último
    apito
    que anunciava sua
    solidão" lagrimas desceram por sua feiçao...

    Wanderley, tenho sumido mesmo, ando meio desanimado estes dias, preciso viajar, um abraço e obrigado por suas contantes visitas!

    ResponderExcluir
  7. Como é difícil dizer adeus, não?

    Exige muito dos nossos sentimentos. Na minha vida precisei passar por algumas despedidas, na ocasião me fiz de forte, mas hoje revivi algumas delas... senti saudade!

    Apolinário Júnior.

    ResponderExcluir
  8. Solidão...eu, particularmente, quanto mais velha, mais preciso dela...talvez por isso eu tenha seguido a carreira artistica...estar em evidência, no palco, supri a solidão que já é moradora proprietária do meu coração...só ninguém me atinge...só, não espero nada dos outros, logo, ninguém me decepciona...só é muito mais facil de chegar a um consenso comigo mesma... a solidão me torna forte...me faz rir sozinha, que é muito mais divertido, e chorar sozinha, que é muito menos dolorido...

    Estou de volta como Jana...ontem, Madame Gigi foi escandalosamente iluminada, graças aos deuses posso bater com orgulho no peito e dizer que "sei o que quero ser quando crescer!"

    bjbjbj

    ResponderExcluir
  9. muito lindo ... mas porque o "a"?

    bjux

    ;-)

    ResponderExcluir
  10. Legal amigo, as partidas, as despedidas deixam marcas e aumenta solidão, espaços se tornam maiores e a saudade é inevitável.
    É sempre bom ver seus passos em meu blog.
    Bju e bom fds

    ResponderExcluir
  11. Wanderley
    Este seu texto tocou-me profundamente! Por certo não deixará de tocar muitos de nós... Quem já viveu o drama da despedida sabe do que falo!
    Obrigado meu amigo.
    Wanderlei, e a foto? esta maravilhosa foto de quem será?
    Grande abraço
    G.J.

    ResponderExcluir
  12. Quando o amor é verdadeiro e há reciprocidade, não há motivo para separação. Havendo a separação, a saida é aceitar com resignação, esquecer e partir para outra.

    Lindo meu amigo! Muito profundo!

    Abraços,

    Furtado.

    ResponderExcluir
  13. Meu Querido
    Que poema lindo e sensivel. Adorei
    Beijinhos
    sonhadora

    ResponderExcluir
  14. Lindo, adoreiiiiiiiiiiiii.

    Espero vc me dando a honra de ser meu seguidor.

    Renata

    http://renatagomesdefarias.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  15. Que liindo!!! e triste...
    Esse adeus que leva teus sonhos é pior ainda!

    Beijos querido, boa noite!

    ResponderExcluir
  16. Olá, Wanderley!

    Lendo seu belo poema, lembrei-me de parte de um texto que escrevi que, em determinado momento, fala do "outro lado" da partida e que diz mais ou menos assim:

    Toda partida aparta
    e aperta corações
    Ata
    ou desata laços...
    Nem toda partida
    é feita de beijos
    e abraços...

    Obrigada Wanderley, pelas suas visitas e suas palavras.

    Bjs e inté!

    ResponderExcluir
  17. Uau! triste e bonito!


    Un Abraço!

    ResponderExcluir

passou por aqui . deixe sua impressão . obrigado

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...