quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Tico-tico no fubá


Longe
onde estou
Perto onde ti considero
impossível nosso encontro.
Já não existe claridade.
Sorrindo a noite chega para
indagar
Se é sério
Ou iremos nos acomodar
Feito tico-tico no fubá...

Apegaua

Wanderley Elian

54 comentários:

  1. Parece que assim será.
    Desse jeito não há como.

    Bjs.

    ResponderExcluir
  2. Lindo o poema Wanderley, gostei!
    Abração e ótima quarta!

    ResponderExcluir
  3. Ah, Wanderley... (rs) Adorei o tico-tico no fubá! É tão bom quando podemos brincar.

    Abraços, amigo.
    Glória

    ResponderExcluir
  4. Não deixe ser
    Noite em setembro
    Brilhe os sonhos
    - aqueles nossos –
    Ao menos até dezembro

    Ruth Maria Perrella

    Bom dia.....Beijos Meus! M@ria

    ResponderExcluir
  5. Meu amigo, é sempre bom estar aqui, e vou te desejando um bom dia repleto de paz e amor.
    Bjs em teu coração, um abraço.

    ResponderExcluir
  6. Olá amigão!

    O vírus prolongou o meu regresso! Obrigado, é bom estar de volta e poder estar com você;)

    Por falar no fubá, um dia esta na loja Mini-preço aqui no Porto quando uma brasileira entrou e perguntou pelo fubá. Ninguém sabia dar informação até que ela encontrou. A partir daí, aprendi mais uma coisa nova.

    Abração

    ResponderExcluir
  7. Bom dia! Olá conterrâneo! Sou mineira também. Só moro no nordeste por enquanto. Feliz primavera!
    Carla Fernanda

    ResponderExcluir
  8. Eu sempre prefiro o sério, o tico-tico no fubá deixo para os mais novos.

    bjão, Wander

    ResponderExcluir
  9. E aí poeta, tudo bem? Tico tico no fubá rssss olha, tirando a beleza que tem seu verso, me lembrei de antigamente quando o Silvio Santos perguntava: "E..você é casada, solteira ou tico-tico no fubá?" kkkkkkkkkkkkk

    abrações

    ResponderExcluir
  10. Owww, que lindo Wander.

    Seria esse então, o tal significado do tico tico no fubá????

    Beijo de bom diaaaaaaa!!!

    ResponderExcluir
  11. Oi Wanderley!
    Eu achei seu poema lindo...mas...não sei bem o significado de "tico-tico no fubá"...
    BJO

    ResponderExcluir
  12. A distancia sempre incomoda,,,e o amor não pode se acomodar...abraços de bom dia pra ti amigo,,,hoje tem,,,,amanhã,,,tambem...rs..rs..

    ResponderExcluir
  13. O tico-tico tá
    Tá outra vez aqui
    O tico-tico tá comendo meu fubá
    O tico-tico tem, tem que se alimentar
    Que vá comer umas minhocas no pomar...

    ResponderExcluir
  14. vou preparar um bolo de fubá com café pra gente ticoticotar....q tal? topas?

    ResponderExcluir
  15. Longe e perto ao mesmo tempo, as ambiguidades da vida!

    ResponderExcluir
  16. Se não existe claridade, o jeito é acender uma vela e da-lhe tico tico no fubá, hehehe

    ResponderExcluir
  17. Gostei amigo e gostei muito do seu poema do post anterior, não deu tempo de comentar, mas eu li agora...adorei...
    Beijinhos querido...obrigada por sua presença, amizade e carinho... saiba que é recíproco, viu?
    Valéria

    ResponderExcluir
  18. Pra que ser sério?
    Às vezes é tão bom ser tico-tico no fubá.
    Abração,
    Cida.

    ResponderExcluir
  19. Sabe o que me lembrei, ao ler o texto
    do tico-tico? Qdo menina ouvia causos, e um deles falava do dito cujo, o tico-tico no fubá!... ai ai não paro de ri!rsssssss
    (conversas paralelas de mineiro)
    E sua irmã mininu? como vai, casou?
    Casou nada moço! virou uma judiação!
    Hoje minha irmã é "tico, tico no fubá"
    Nem casada, nem "sorteira!" rs
    Verdade Wanderley! rsss
    não tô contando lorotas não!
    Você bem sabe, o que significa
    "tico tico no fubá" em M.Gerais.rs
    Rindo! vou embora, e deixo abração!

    IT

    ResponderExcluir
  20. Adorei!!

    "Perto onde ti considero
    impossível nosso encontro"

    E se é considerado impossível... tudo, tudo, tudo é muito, mas muito mais desejado, ou não, a própria consciência da impossibilidade reduz em nada (tudo) que nunca irá acontecer...

    Um beijo!

    ResponderExcluir
  21. Oi Wander!!
    Passando pra te desejar uma ótima semana.
    Esta semana estou sem muito tempo.
    Abraços

    ResponderExcluir
  22. Que lindo ...
    Tomara que seja sério !


    BjO.

    ResponderExcluir
  23. Wan,(intimidade postada já no meu blog, rss), estou num dilema parecido com este, não se é sério, ou se é mais uma coincidência destas que acabam em nada... rsss.
    O que fazer com este personagem que insiste em entrar no cenário da minha vida?
    bjksss

    ResponderExcluir
  24. Lindo e Um caso a pensar...ficar apenas de tico-tico no fubá é muito cômodo , não é?Assumir é preciso!abraços,chica

    ResponderExcluir
  25. Lindinho e romântico. Essa situação não deixa de ser uma união estável, né Wanderley?:)

    Um beijo, amigo

    Adorei a ilustração

    ResponderExcluir
  26. Gostei! :)
    parece namoro de internet
    rs

    bjo

    ResponderExcluir
  27. E cabe a esse amor eternas reticencias...

    ResponderExcluir
  28. Nossa que lindo esse tico-tico...amei por demais.

    Beijos, muitos meu querido Wanderley.

    ResponderExcluir
  29. Saudações caro Wanderley, estou agora retomando o espaço.
    Perdoe-me a ausência mas espero que agora ela se faça passado.

    Digo que nenhuma distância é suficientemente capaz de exaurir um sentimento, ele precisa apenas ser sincero e vir de dentro.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  30. O tico-tico no cartório, dá uma sensação de prisão de obrigação, enquanto o tico-tico no fubá, dá uma sensação de liberdade, embora na hora do pega pra capar, haja o mesmo direito.

    Abraços,

    Furtado.

    ResponderExcluir
  31. Que lindo, parece aquelas musiquinhas para escutar antes de dormir. Lembra coisa boa. Belo, como sempre. Beeejo pra vc querido.:)

    ResponderExcluir
  32. Ah, menino que escreve bonito.
    Beijossssss

    ResponderExcluir
  33. Seriedade as vezes não é o melhor caminho, então que seja o tico tico no fubá rss

    adorei o poema, beijos Wanderley

    ResponderExcluir
  34. Aaah, velhos tempos [tipo semana passada] tem horas que é inevitável pensar nisso né? Se vai ou raxa [eca] rs bjaooo!

    ResponderExcluir
  35. Sem acomodações...
    Sem zonas de conforto.
    Numa só direção...
    Sem parar.
    Beijos

    ResponderExcluir
  36. Wanderley! O tico-tico no fubá rendeu...
    Foi muito bom!rs
    É tão bom sorrir, amigo!

    Beijos

    ResponderExcluir
  37. Me apaixonando por esse blog. Seus poemas são demais!

    Grande beijo!

    ResponderExcluir
  38. Se o encontro é impossível não há o que fazer...A separação é inevitável, por mais que a gente não queira, não aceite ou não entenda ela é a melhor decisão, mesmo parecendo ser a pior a princípio.
    Beijosss

    ResponderExcluir
  39. Lindas palavras, doces como o canto desse pássaro! Adoro! Um abraço meu amigo!

    ResponderExcluir
  40. Queridíssimo...

    Seja do jeito que for, mas...que seja ?!

    Bjs meus !

    ResponderExcluir
  41. Olá!
    Lindo poema...lindas palavras.
    O teu Cantinho está Excelente.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  42. Simples e singelo, lindo.
    Tico-tico só no fubá (Sequinha de Abreu).
    Abraço

    ResponderExcluir
  43. Fiquei feliz com o carinho de sua palavra!
    Por aqui a gente se sente energizado com a força de seu verbo.
    bjinhosss
    Rita

    ResponderExcluir

passou por aqui . deixe sua impressão . obrigado

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...