quinta-feira, 11 de abril de 2013

Coração vazio


Contei todas as estrelas, faltava uma.
Talvez ela tenha desistido de brilhar,  ou estava cansada  e foi dormir mais cedo.
Só sei que ficou um vazio no céu.
Assim como fica um vazio no coração de quem não ama porque tem  medo de sofrer.

Wanderley Elian

50 comentários:

  1. Amar é um desafio na vida de cada pessoa.
    Os que não amam nunca saberão o valor da vida que se comunica numa partilha constante.

    As estrelas serão sempre as mesmas....

    ResponderExcluir
  2. Deixar de amar por medo de sofrer é terrível. Linda poesia! abração,chica

    ResponderExcluir
  3. AMAR,AMAR,AMAR !!!!
    O BOM É AMAR SEMPRE ,SEM MEDO ...
    BJSSSSSSSSSSSS

    ResponderExcluir
  4. Bom dia, quanto tempo!

    Sua poesia me lembrou uma música!

    O medo de amar é o medo de ser livre para o que der e vier....

    Medo o inimigo que atormenta o caminho para felicidade!

    Beiijos
    Aline.

    ResponderExcluir
  5. oi Wan,

    o amor tem que ser um sentimento de total entrega,
    e quem tem medo jamais vai se entregar...

    beijinhos

    ResponderExcluir
  6. um vazio que pode ser imenso,

    abraço

    ResponderExcluir
  7. Bom dia! Só existe uma maneira de amar, a única possibilidade: entregar-se de olhos fechados! Arriscar doer, arriscar ser bom.

    ResponderExcluir
  8. Acho que tem muito a ver comigo isso... rs

    Beijocas

    ResponderExcluir
  9. Muito meloso para o meu gosto ... o Amor é uma faceta real da vida e como tal deve ser visto e considerado ... de forma bem pragmática e concreta, sob pena de ser mal vivenciado ...

    ResponderExcluir
  10. Perde esse medo meu amigo...não coisa melhor na vida do que o AMOR!!
    GRANDE ABRAÇO!!

    ResponderExcluir
  11. Meu querido prof.Elian, amigo e poeta...primeiro: detestei os dois últimos comentários(do Paulo e do Jorge), enfim...talvez não se conheça a solidão, a falta de amor (não desses que se vendem na internet), mas de um amor verdadeiro (o que é verdade nos dias de hoje?). Mas a falta de um, num universo de millhões pode fazer falta sim, se não apareceu, porque é importante. Enfim, voltarei para minhas coisinhas, minha vidinha, minha solidão.
    ps. Meu carinho meu respeito meu abraço.

    ResponderExcluir
  12. Já que é assim... é melhor se arriscar, não?
    Bom fim de semana!
    Muita paz e muitas alegrias!
    ♫♫° ·.♪

    ResponderExcluir
  13. Basta ficarmos atentos, quando ela brilhar forte, reconheceremos no mesmo instante. Só não podemos deixar de apreciar o céu.

    Abraços Wanderley e linda vida!


    Obs: Ficarei em off até segunda ou terça, gravando um trabalho, semana que vem estarei por aqui novamente!

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Wan
    Muito linda. Bela imagem escolhida.
    ...não-sofrer é impossível. Sofrer faz parte do processo de viver, é inevitável. Mas não-amar, escolha feita por se declarar refém de seus medos, huummmm. Apenas aceite-os e lembre-se de que cada um tem os seus; todos temos! Aproveite sua vida amando tanto quanto desejar, tanto quanto sentir...e quem sabe do lado desa estrela que parou de brilhar,não tem uma outra...
    Meu carinho
    Boa sexta feira
    Abraços

    ResponderExcluir
  15. Como dizia Vinícius... Quem já passou por essa vida e não sofreu... Pode ser mais, mas sabe menos do que eu!

    Um abraço meu amigo!

    ResponderExcluir
  16. Bom dia,Wanderley!

    Que lindo!!!
    Deixar de amar por medo de sofrer é se condenar ao sofrimento!
    E com isso pode-se perder a chance de ser feliz! Se não tentarmos...nunca saberemos!
    Beijos! Bom final de semana!

    ResponderExcluir
  17. querido amigo Wanderley que poema pequeno que de repente se torna enorme fazendo com que nos demos conta,de que aquela estrelinha que parecia tão pequenina,deixou um vazio enorme que mem todas as que ficaram no céu a brilhar consegue cobrir a falta que ela faz
    por certo que ela seria para alguem a maior e mais brilhante de tosas um abraço poeta bom final de semana marlene

    ResponderExcluir
  18. Quem abre o coração para amar tem sempre medo de sofrer. Porque quem ama sofre pelo outro mesmo sem querer faz parte da vida. Bom fim de semana abraço

    ResponderExcluir
  19. Oi Wanderley
    Muito bom! Quem ama, fatalmente irá sofrer, mas faz parte do ciclo da vida!

    ResponderExcluir
  20. Quem sofre aprende a se proteger, beijo Lisette.

    ResponderExcluir
  21. Gostei do poema reflexivo e sensível. Um abraço, Yayá.

    ResponderExcluir
  22. Amar é bom demais e medo não tem nada a ver_ quem dera todos os sofrimentos fossem só por amor ,não é?
    abraços Wander
    bom sábado

    ResponderExcluir
  23. Parabéns pelo lindo poema, amigo. Passei para lhe deixar meu abraço e dizer que fiquei feliz com a sua inda. Mesmo estando afastado dos blogs por motivos particulares e justo, não esqueço dos meus amigos e companheiros dessa caminhada de blogueira,
    Um grande abraço
    sandra

    ResponderExcluir
  24. Levei vc comigo.
    http://sandrarandrade7.blogspot.com/
    Obrigada pela sua comapnhia.,
    Sandra

    ResponderExcluir
  25. A dor de amor também pode ser bela, na inspiração dos poetas. Uma única estrela que falta costuma fazer com que deixemos de ver a beleza das demais. Lindo! Abraço!

    ResponderExcluir
  26. Muito lindinho!

    Bom final de semana meu amigo lindo!

    ResponderExcluir
  27. FELIZ DIA DO BEIJO !!!!!!!!!!!!!!
    BOM DIA !!!!!!!!!!!
    ARQUITETO DE BONS PENSAMENTOS !
    PARABÉNS PELO TALENTO EXPRESSO DE FORMA MAGISTRAL EM CADA PENSAMENTO...
    BJS DE BOM DIA !!!!!

    ResponderExcluir
  28. um poema lindo, mesmo sendo tão triste...
    que vc reencontre a estrela, querido amigo.
    abraços! bom fds

    ResponderExcluir
  29. Garoto sorriso.
    O poema pode sr pequeno ,
    mais grande em conteúdo.
    Agradeço o carinho da sua visita desejo um feliz Domingo.
    e gosto de montão meu amigo.
    beijos na sua alma,Evanir.

    ResponderExcluir
  30. Boa tarde, Wanderley. Lindo o seu poema e sua mensagem.
    Estrela que dorme mais cedo ou desiste de alegrar com o seu brilho jamais saberá se terá feito ou não grande diferença no céu.
    Assim somos nós e o amor. Se o deixarmos por medo de sofrermos, como saberemos se teria sido infinitamente bom?
    Mesmo com pouca luz certas horas, amor é amor e sempre será, mesmo com um brilho ofuscado.
    Tentar sempre!
    Beijos na alma e excelente fim de semana de paz!

    ResponderExcluir
  31. Super legal !
    Mas melhor ter medo e amar do que não ... nesse caso, uma coisa sempre estará ligada a outra, não tem jeito !

    Abraço !!

    ResponderExcluir
  32. Estupendo....
    Percebe-se que atualmente muitos não amam por ter medo de sofrer e acabam sofrendo por não amar...
    Abraços!

    ResponderExcluir
  33. Wanderley,mas que maravilhosa sua poesia!Sensivel e verdadeiro momento,quando sentimos esse medo de amar, tão comum em quem já sofreu por amor!Eu adorei!bjs e bom fim de semana!

    ResponderExcluir
  34. Wan, tava falando de mim?! ?! rsss.....
    Eu me sinto assim.
    Coração cheio de amor, mas fechado.
    O meu ceu estrelado tem brilho e nao é vazio,
    mas tem uma janela fechada.

    Beijos

    ResponderExcluir
  35. Suas poesias parecem muito com meus sentimentos.Mas somos fortes e assim seguimos! Parabéns poeta!
    beijos
    domingo de paz

    ResponderExcluir
  36. Francamente, não sei se existe alguém que deixa de amar só por medo de sofrer. Acredito mais em desencanto causado por experiências anteriores.

    ResponderExcluir
  37. E como fazer?
    Se amamos sofremos
    se não...também...
    não sei...


    bjs!

    ResponderExcluir
  38. Admirável, Wanderley
    Bom dia, e bom dia de domingo.
    O Amor, está no ar. Cada um de nós temos que procurar o nosso espaço nesse céu, e acender a nossa lamparina com a nossa própria luz, e o nosso próprio brilho. Nada de sofrer com antecedência, por que, é pelo caminhar dos sonhos, que encontramos o reluzir da felicidade.
    Abraços abraçados.

    ResponderExcluir
  39. Chose mais linda, Wanderley. Adorei!
    E existe mesmo quem não ame com medo de sofrer, e quem não ame e tente impedir a alguém de amar.
    Lembrei de Drummond quando diz, "para as estrelas,nós que estamos atrasados milhões de anos-luz". :)

    Bjuxx,amigo querido e sensível. Vc deu demonstração que é um querido mesmo.
    Obrigada.
    Lau e família. ♥

    ResponderExcluir
  40. Que bela poesia professor.
    Parabens.
    um excelente final de semana
    um grande abraço.

    ResponderExcluir
  41. Amigo venho desejar que esteja bem,
    é sempre um gosto vir ao seu blogue
    e ler os seus posts.
    Um beijinho da amiga distante
    Irene Alves

    ResponderExcluir
  42. Lindo poema, Wanderley !
    Faz-me pensar : Como será possível não amar, por medo do sofrer e preferir, em seu lugar, um vazio ainda mais sofrido ?...

    Grande abraço ! :))
    .



    ResponderExcluir
  43. Olá!
    Wan
    uai, o "coração ainda está vazio?"
    Bem... só cheguei nesa postagem...e agradeço o carinho de sempre
    Bom domingo
    Boa início de semana!Paz e luz!
    Abraços

    ResponderExcluir
  44. Oi, Wanderley!

    Obrigada pela visita!
    Gostei do poema! Me fez pensar muito na vida que estou levando...
    Uma beijoca e uma ótima semana!
    Neli

    ResponderExcluir
  45. Q lindo! cabe a cada um manter as fumegantes luzes do amor acesas em cada relacionamento. Bjoxxxxxxx, querido!

    ResponderExcluir
  46. Uauuuu! Ameiiii seu poema, amigo...o medo nos paralisa, nos adormece a alma, petrifica o coração...aplausos!!!
    Que bom te reencontrar Wanderley, tenho blogado pouco, mas cada vez que vou passando pelos amigos, vou me encantando tudo outra vez... fui lendo seus posts anteriores, muito legal.
    beijos,
    Valéria

    ResponderExcluir
  47. Permitir a possibilidade de preencher com alguém que valha a pena não tem preço!

    ResponderExcluir

passou por aqui . deixe sua impressão . obrigado

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...