segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

Deus me livre de ser feliz




Deus me livre de ser feliz. Existem coisas mais sérias que a felicidade. Algum sabichão por aí vai dizer, sentindo-se inteligentinho: "Existem várias formas de felicidade!". E o colunista dirá: "Sou filósofo, cara. Conheço esse blá-blá-blá de que existem vários tipos de felicidade, mas hoje não estou a fim".Um bom teste para saber se o que você está aprendendo vale a pena é ver se o conteúdo em questão visa te deixar feliz.
Se for o caso e você tiver uns 40 anos de idade, você corre o risco de sair do "curso" engatinhando como um bebê fora do prazo de validade. A mania da felicidade nos deixa retardados.
Querer ser feliz é uma praga. Quando queremos ser felizes sempre ficamos com cara de bobo. Preste atenção da próxima vez que vir alguém querendo ser feliz.
Mas hoje em dia todo mundo quer deixar todo mundo feliz porque agradar é, agora, um conceito "científico". Quem não agrada, não vende, assim como maçãs caem da árvore devido à lei de Newton. 
Mas eu, talvez por causa de algum trauma (fiz análise por 20 anos e acho que Freud acertou em tudo o que disse), não quero agradar ninguém.Não considero isso uma "vantagem moral", mas uma espécie de vício. Claro, por isso tenho poucos amigos. Mas, como dizem por aí, se você tiver muitos amigos, ou você é superficial, ou eles são, ou os dois. 
Quanto aos meus alunos e leitores, esses eu nunca penso em deixar felizes, graças a Deus. 
Desejo para eles uma vida atribulada, conflitos infernais com as famílias, dúvidas terríveis quanto a se vale a pena ou não ter filhos e casar.Desejo que, caso optem por não ter família, experimentem a mais dura solidão da existência humana, porque, no fundo, não passam de egoístas. Mas se tiverem família, desejo que percebam como os filhos cada vez mais são egoístas porque querem ser felizes e livres. 
Desejo para eles pressões violentas no mercado de trabalho. E jantares à meia-noite diante de um trabalho que não pode ficar para amanhã porque querem viajar e ter grana para gastar. 
Quem quiser ser livre, que aguente a insegurança da liberdade. Quem for covarde e optar por uma vida miseravelmente cotidiana que veja um dia sua filha jogar na sua cara que você foi um covarde.Especialmente, desejo um futuro cruel para quem acredita que "ser uma pessoa de bem" a protege de ser infiel, infeliz, abandonada e invejosa.Espero que um dia descubram que, sim, eles têm um preço (apenas desejo que seja um preço alto) e que se vendam. 
Espero que percebam que seus pais não foram santos e parem com essa coisa de gente brega de classe média que tenta inventar uma "tradição ética familiar" que só engana bobo. 
E por que digo isso? Porque hoje todos nós estamos um tanto infantilizados e só queremos que nos digam o que achamos legal. O resultado é uma massa de obviedades. A tendência é transformar o pensamento público em autoajuda ou em "compromisso com um mundo melhor", o que é a mesma coisa. 
Quem quer agradar é, no fundo, um frouxo. Vejamos alguns exemplos do produto "querer ser feliz". Comecemos por quem acha que o seu "querer ser feliz" é superior e espiritualizado.Talvez você queira virar luz quando morrer porque ser luz é legal (risadas). Deus me livre de querer virar luz quando morrer. Prefiro as trevas.Se for para continuar vivendo depois de morto, prefiro viver no "meu elemento", as trevas, porque sou cego como um morcego.Normalmente, quem quer virar luz quando morrer é gente feia ou magra demais. Mulheres bonitas vão para o inferno, logo... 
E gente que acha que frango tem mãe (só porque ele "descende" do ovo de uma galinha, e ela de outro...) e por isso é crime matá-los? Trata-se de uma nova forma de compromisso com a "felicidade social e política".Entre esses "felizes que desejam a felicidade para os frangos" existem pessoas de 40 anos com cérebro de dez e pessoas de dez anos que um dia terão 40, mas com o mesmo cérebro de dez. Não creio que mudem. 
Hoje é Carnaval. Espero que você não tenha pegado aquele trânsito idiota de cinco horas para ser feliz na praia. 

Luis Felipe Pondé 

Wanderley Elian

31 comentários:

  1. Vou ter de ler de novo.... porque me encaixei nas de cérebro de 10... ou será que querer paz, tranquilidade, saúde e conforto não é sinônimo de ser feliz?????
    Preciso ler de novo..
    Beijos Elian

    ResponderExcluir
  2. Avacagá, Wanderley... crente que era vc o autor... brochei... kkkk

    ResponderExcluir
  3. Legal o texto.No mínimo, faz pensar! abração,chica

    ResponderExcluir
  4. o comentário do Bratz foi completamente inesperado.
    de qualquer forma, concordo com o moço, procurar a felicidade é nosso grande problema de hoje.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. foi só uma brincadeira com o Elian Foxx ... o texto é muito bom e super interessante em sua reflexão ...

      bjão

      Excluir
  5. KKKK...Um texto que perturba,é verdade!Mas o que perturba nos faz pensar e quem pensa não é feliz,convenhamos!...rss...eu adorei apesar de tudo que ele deseja aos leitores,que não é facil viver!De fato essa obrigação de ser feliz me cansa tb!Bjs e boa semana!

    ResponderExcluir
  6. Só procura a FELICIDADE quem não consegue vê-la dentro de si... aí se perde tempo mesmo, pois procurar algo que nos pertence de fato e de direito é insano.
    Portanto, apesar das sandices o texto é instigante e reflexivo... Quantos não vivem assim, ou melhor, deixam de viver para procurar algo absolutamente subjetivo...
    Sempre boas postagens, meu amigo!!!

    SEJAMOS FELIZES!!! PELO MENOS TENTEMOS...

    ResponderExcluir
  7. Adorei o texto! Muitíssimo interessante. Obrigada por dares a conhecer.
    beijito

    ResponderExcluir
  8. MUCHAS GRACIAS POR COMPARTIRNOS TAN INTERESANTE POST.
    UN ABRAZO

    ResponderExcluir
  9. Oi,Wanderley!Esse texto me fez lembrar um livro que li a pouco tempo e que até andei relendo alguns trechos A felicidade possível,porque a gente vive idealizando a felicidade e acha que só vai ser feliz quando tiver isso ou se tiver aquilo...
    Beijos e boa folia por ai!

    ResponderExcluir
  10. Oi Wanderley
    kkkkk. Agora entendi seu comentário no meu blog, sabe talvez eu tenha errado ao postar algo que eu nem viva, pois só fiz um favor a uma amiga, mas em contra ponto, achei esse texto bem radical também! Prefiro mais seus poemas.
    Bjos. Fique com Deus!

    ResponderExcluir
  11. Oi Wander
    sobre felicidade há muitos que sabem escrever e poucos que sabem vive-la.
    quem sou eu pra discordar? rs
    estou retornando _ acabou o que era doce... rs na verdade gosto de estar por aqui,
    e nem posso reclamar _ tô feliz! rs
    um abraço grande

    ResponderExcluir
  12. Oi, Elian!

    O texto postado é bem "pra frente" e nos faz refletir.
    A felicidade é algo, que não tem fórmula, como na Matemática.
    As pessoas, deveriam ser felizes, a seu jeito, e não para fazer parte das estatísticas.

    Resto de dia, como você entender.
    Beijo da Luz.

    ResponderExcluir
  13. Intrigante texto, conheço muita gente que insiste em enganar-se vendo luz em trevas e nas trevas todos juntos sem mascaras . Beijo!

    ResponderExcluir
  14. Sabias palavras deste Luis Felipe Pondé! Ponderou bem sobre o tema... rs
    Sabe tenho que concordar com ele, querer ser feliz é uma praga, todo esforço pra ser algo é um afastamento deste algo... neste ponto ele é certeiro.
    Também deixei da mania de agradar, de ser bonzinho, sou o que sou, não quer dizer qe vou sair por aí matando flores no jardim, mas que se acaso pisar em alguma, eu posso pedir desculpas e seguir adiante.
    Bejuh meu lindo, faz sempre a galera ler e pensar!
    Ficou pra mim esta frase de poder: "Quem quiser ser livre, que aguente a insegurança da liberdade."
    Lembra Osho este texto em alguns momentos.

    Grato pela força e amizade lá no VF.

    William

    ResponderExcluir
  15. Oi Wanderley!! Como foi de Carnaval? Gosto muito do Pondé,e concordo com vários pontos de vista dele. Mas pra mim a felicidade tem um conceito diferente: é alegria interior. Se vc está bem internamente tudo a seu redor estará beleza pura. :) Mas que o tema é bem interessante pra se discutir é...e muito.

    Bjuxxx

    ResponderExcluir
  16. Deixando um abraço nessa manhã de sol ardente.
    bjim

    ResponderExcluir
  17. Wanderley, amigo!

    Bárbaro! Especialmente quando diz que "Quem quer agradar é, no fundo, um frouxo". Já tem tempo, bastante, que encontrei o meu caminho quando passei agradar primeiramente a mim. Se estou bem, todos vão perceber.

    Beijos

    ResponderExcluir
  18. em resumo: tem que ligar o botão foda-se todo dia ao acordar
    beijos

    ResponderExcluir
  19. A felicidade está em nós! Não adianta busca-la em outro lugar. E isso por si só, já faz com que quem mais precisa de nós, somos nós!
    :p

    ResponderExcluir
  20. ♪♫º♫♫º
    Olá, amigo!

    Lindo... amei o texto e já nem sei se quero ser feliz ou não?!...

    ღ°Bom fim de semana! ♪♫º
    ♪♫♫º Beijinhos.
    ♪♫º Minas.♪♫♫º
    ♫♪•.

    ResponderExcluir
  21. Passando para agradecer a visita e desejar um fim de semana SUUUPER!!!

    ResponderExcluir
  22. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  23. Muito legal o texto ... faz pensar ...
    De fato nem tudo é felicidade, há muitas outras coisas ...
    Mas felicidade muda de pessoa pra pessoa e pode haver felicidades legais, eu acho ...
    Mas que a vida não é só ser feliz, ah isso não é mesmo, e nem por isso, menos legal !!
    Abraço ! Bom finde !

    ResponderExcluir
  24. Meu querido amigo

    A felicidade são pequenos momentos que devemos agarrar com ambas as mãos, eles são tão efêmeros.
    Um texto muito belo.

    Um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  25. Oi Wanderley
    Obrigada pela visita e um ótimo domingo!
    Bjos. Fique com Deus!

    ResponderExcluir
  26. Esse negocio de felicidade é balela. Não existe felicidade completa mas sim momentos felizes na vida.

    Abraço

    ResponderExcluir
  27. Amei o texto. Me fez pensar e já o li três vezes até chegar a essa conclusão (que gostei). rs
    Ser feliz não é o que há mas o que alguns tem! eu tenho o hoje. Se ele foi ou está sendo feliz aos olhos dos outros eu não sei. Mas que eu estou me divertindo, ahhhh isso eu estou! ;)
    Bjs

    ResponderExcluir

passou por aqui . deixe sua impressão . obrigado

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...