sexta-feira, 6 de maio de 2011

Tristeza





A tristeza das casas
com olhos vazados
sob os arvoredos.
Meninos mal concebidos
de brinquedos perdidos
sem infância.
Meninas de longos cabelos
fios de aço nas gargantas
e apelos sem resposta.
O azul passa perpassa
impassível
refletindo fugaz
a mancha rubra exposta.
Só o gelo
escorre ligeiro
ágil
invisível
por entre os dedos.


Marianne Franca


Wanderley Elian

93 comentários:

  1. A tristeza também escorre entre os dedos e até encontrarmos a tão sonhada felicidade, precisamos lutar e matar leões.
    Abraço,
    Jasanf.

    ResponderExcluir
  2. Tomara chegue o tempo de ver essa tristeza se trasnformando em igualdade .
    Há de se ter esperanças!

    um grande abraço Wander

    ResponderExcluir
  3. Que poema lindo! Fala da realidade com uma delicadeza e sutilidade sem igual! Não conheço a autora...

    Beijos, adorei o blog,

    Rita Barroso

    http://blogdachickitabakana.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. não conhecia a poeta em questão, mas gostei de como ela falou " dessas sementes mal plantadas que ja nascem com caras de abortadas"

    ResponderExcluir
  5. Amigo uma imagen que dize muito de suas letras que nos deixas hoje... un sentir claro que o coracao sente....

    Saludos
    otimo fim de semana
    abracos

    De seu amigo sempre...

    ResponderExcluir
  6. O poema doi , mas é uma dor necessária.

    que venha outros , belos ,como esse ...

    (lindo poema da Marianne Franca)

    um abraço , Wanderley !

    ResponderExcluir
  7. O que me deixa mais triste no mundo hoje, são as crianças sem infância, sem direito ao brincar, ao comer, ao lar e ao educar...é triste demais essa realidade.

    ResponderExcluir
  8. Um poema de revolta e contestação.
    Neste mundo onde alguns esbanjam existem muitos outros sem direito a nada.
    Mundo reflectido nos olhos de uma criança.

    ResponderExcluir
  9. É uma desigualdade muito grande, e isso me mata, literalmente.

    Muito bem dissecada essa "tristeza".

    ResponderExcluir
  10. Triste e linda poesia! abraços e um dia legal!chica

    ResponderExcluir
  11. Uma triste realidade que vem colorindo os dias de cinza.

    ResponderExcluir
  12. oi Wander,

    o que mais dói,
    é saber que essa tristeza vem dos olhos
    das crianças,
    que deveriam ser os maiores transmissores
    e receptores de alegria...

    beijinhos,
    amigo

    ResponderExcluir
  13. Que triste poesia meu querido.
    E a imagem tocante.
    :(

    Beijos de um delicioso dia.

    ResponderExcluir
  14. a tristeza se enraíza pelas coisas e seres,


    abraço

    ResponderExcluir
  15. Não há maior trsiteza que o sofrimento de uma criança.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  16. Lamentavelmente,infelizmente é o quadro atual de uma boa parte da infância nesse planeta.
    Belíssima poesia.
    Bjuxxx

    * Um beijinho para sua mãezinha. :)

    ResponderExcluir
  17. E quem disse que criança também não sofre, não é??

    Querido, obrigada por sua visita sempre gentil ao meu bloguinho. A sogra já está em casa graças a Deus e bem melhor. Agora são só mais uns dias de repouso e logo logo ela estará 100%, espero!
    Um beijo

    ResponderExcluir
  18. triste atualidade essa, Wan!

    Dias melhores virão! hão de vir!

    Beijo de bom final de semana, meu querido!

    ResponderExcluir
  19. Poema forte,,,realidade humana,,,abraços meu amigo,,,bom final de semana....

    p.s. pra ser sincero,,,eu to com medo de outra tragedia domingo...rs..rs...

    ResponderExcluir
  20. Bom dia,Wanderley!!

    Lindo poema!!Toca fundo na alma...
    É uma triste realidade!
    Beijos pra ti.
    Bom final de semana!

    ResponderExcluir
  21. Lindo, Wanderley. E que sensibilidade a da autora! Infelizmente essa é nossa cruel realidade.

    Bjs!!

    ResponderExcluir
  22. E pergunta que não quer calar quando li o poema: Tem um colo de mãe para elas???!!!!beijo meu amigo e tudo de bom neste fds

    ResponderExcluir
  23. Intenso, eu diria! Lindo, Wandinho! Hehehehe! Hugz!

    ResponderExcluir
  24. uma bela fotografia da miséria humana retratada em palavras ...

    ResponderExcluir
  25. Triste e necessário, falar das mazelas é sempre necessário.

    beijos amigo e bom fim de semana!

    ResponderExcluir
  26. Wanderlei, sobre o teu comentário lá no blog, é coisa de criança, pois que o blog é de evangelização infantil, portanto todas as atividades são voltadas à criança.
    Bom fim de semana, beijos

    ResponderExcluir
  27. Criança triste, sofrendo...me deixa triste demais...!!

    Lindo Poema, muito Forte!!!
    Paz e Luz!!
    Lindo Fim de Semana!!

    ResponderExcluir
  28. como diz o compositor haroldo lobo:
    Tristeza, por favor vá embora
    Minha alma que chora está vendo o meu fim
    Tristeza, por favor vá embora
    Minha alma que chora está vendo o meu fim

    Tristeza palavra que sempre nos assombra quem nunca a sentiu então nunca viveu,post incrivel em perfeita harmonia a imagem e a escrita adorei bjos de uma amiga!

    ResponderExcluir
  29. Oi, Wanderley
    Rascante, duro triste, real, mas...necessário ler sempre e fazer algo sempre. Beijos!

    ResponderExcluir
  30. O gelo do desamor corta mais que faca afiada.
    Beijos e bom dia!
    Carla

    ResponderExcluir
  31. Triste realidade! Sabe, isso me deprime...

    Bom Final de semana. bjos

    ResponderExcluir
  32. E como o gelo escorre por entre os dedos ágil e invisível!
    O que seria de nós se não houvesse esses formadores de opiniões entre nós.
    Abraço

    ResponderExcluir
  33. e esse mesmo gelo
    empedra seus corações...

    e esse corações congelados
    partem os nossos!


    bjsmeus

    ResponderExcluir
  34. O sentimento de melancolia brota, normalmente no crepúsculo, mas logo chega a noite e cobre a tristeza com o manto do luar.
    Tudo passa...
    Até...

    ResponderExcluir
  35. E assim a gente começa um outro final de semana.

    Bjoca

    ResponderExcluir
  36. E estes meninos e meninas, serão os adultos de amanhã!

    ResponderExcluir
  37. q bonito! fiquei curioso agora: qm é marianne franca?

    ResponderExcluir
  38. A tristeza das desigualdades. Amigo, o ArcadoAutoConhecimento foi indicado para concorrer ao SELO BLOG DA SEMANA, em votação que se iniciou no dia 05/05 e ficará aberta até o dia 11/05/2011 no BLOG DO SUPER WILL. Se você quiser me presentear com seu voto, deve acessar o blog do Super Will, no endereço http://wwwwillblog.blogspot.com/. O Will é o idealizador do selo, tendo por objetivo homenagear e promover a confraternização blogueira através da troca de links, divulgação e experiências. Desde já, agradeço a gentileza e amizade.

    ResponderExcluir
  39. Forte, e extremamente realista sobre a natureza humana. Fantástico! Parabéns pela postagem, cara.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  40. É triste, mas é verdade.
    Beijos Wanderley!

    ResponderExcluir
  41. Querido amigo, esse poema retrata exatamente a situação que estamos vivendo hoje, nossas crianças tem sua infância roubada. Tenha um lindo final de semana. Beijocas

    ResponderExcluir
  42. Boa noite, querido amigo Wanderley.

    O pior é que essa tristeza tão grande, é o alicerce onde se edificará o futuro desse filho de Deus. Se houver futuro!

    Um grande abraço.
    Tenha um lindo fim de semana, com a paz de Cristo.

    ResponderExcluir
  43. que verdadeiro e forte o que escreveu...

    deixo um beijo e o desejo que tenha um lindo final de semana!!

    Bia

    ResponderExcluir
  44. Tristeza mesmo querido...dá pra sentir a dor só em ler os versos...
    Manda um beijo pra sua mãe, por mim, tá? Beijinhos pra ti...
    Valéria

    ResponderExcluir
  45. Wan.

    Enquanto apenas acharmos triste a realidade que nos cerca o sofrimento não acabará, gosto de vc por que é parecido comigo nada absolutamente nada, que seja triste precisa ser maquiado, obrigada por toda gentileza que tem para comigo.

    Beijo

    ResponderExcluir
  46. Caro amigo

    Para mim,
    a maior tragédia
    que pode existir,
    é quando uma vida,
    não pode ser vida em sua plenitude.

    Que o amor esteja sempre
    em ti.

    ResponderExcluir
  47. Mesmo sendo triste, é um chamego de poema...
    Grata por seu carinho... É reciproco! bj.
    Catita

    ResponderExcluir
  48. Wander, meu amigo tão querido!

    A tristeza que dói mais, é nas crianças.

    Não suporto vê-las tristes.
    Elas nunca deveriam ficar!

    Um beijo meu querido, e um fim de semana especial!

    ResponderExcluir
  49. Wan, tu tá bem?
    Menino, trite né? Mas mesmo com essa tristeza toda, tem sua beleza.
    Ai menino, brigado, me senti todo todo agora com o elogio, kkkkkk
    Vai passar sim, na verdade, já tá passando, rs
    Bjo menino

    ResponderExcluir
  50. Q essa tristeza se perca pelo caminho e torne a estrada para a felicidade mais curta.

    beijos...Mariz

    ResponderExcluir
  51. O caos humano e poesia.
    O poeta tem o poder de fazer arte, mesmo com o fúnebre.

    Bjs.

    ResponderExcluir
  52. Que lindo poema Wanderley,

    Intenso e sensível ao mesmo tempo.

    Beijos

    Ani

    ResponderExcluir
  53. A chuva é dádiva em forma desaguante
    Molha o mundo dessedenta a terra
    Agradeçamos ao Deus das aguas santas
    Por nos presentear com essa bondade tanta!

    Nice Canini

    BOM FDS.....BEIJOS MEUS! M@RIA

    ResponderExcluir
  54. Lindo poema, É a fria realidade mostrada de uma forma poetica e triste, é a indiferença significada pelo frio gelo que escorre entre os dedos.
    Bjs
    Zelia

    ResponderExcluir
  55. Criança e tristeza não deveriam andar juntas.

    Um ótimo sábado!

    ResponderExcluir
  56. Você é tantas em uma,
    Maior que a Lua, o infinito,
    Até que o mar imenso,
    A estrelinha é seu sinal,
    Deste amor, incondicional,
    Mãe! Você é imortal.

    Marisa de Medeiros

    Beijos de coração prá coração! M@ria

    ResponderExcluir
  57. Lindo poema! Gostei! Parabéns a autora!

    Tristeza de está só. viver entre os becos das drogas. Entre o lixo e a prostituição. Ser pobre sem pai e sem mãe. viver as injustiça desse mundo cruel. Que só pensa no lucro capitalista!

    Amigo! Um excelente final de semana pra te*

    Abraços,
    Lu

    ResponderExcluir
  58. Olá amigo!

    Passei cá pa ti deixar um abraço e desejar-te um bom fds. Abc

    ResponderExcluir
  59. Poema de antônimos, prefiro os sinônimos;
    Criança-feliz, infância-felicidade e assim por diante. bjs!

    ResponderExcluir
  60. Palavras melancólicas, mas reais!
    Um belo poema!

    Um abraço.

    ResponderExcluir
  61. Testo da net

    Minha mãe E sua Mãe
    Que ao dar a benção da vida, entregou a sua...
    Que ao lutar por seus filhos, esqueceu-se de si mesma...
    Que ao desejar o sucesso deles, abandonou seus anseios...
    Que ao vibrar com suas vitórias, esqueceu seu próprio mérito...
    Que ao receber injustiças, respondeu com seu amor...
    E que, ao relembrar o passado, só tem um pedido:
    DEUS, PROTEJA MEUS FILHOS, POR TODA A VIDA!
    Para você mãe, um mais que merecido:
    Feliz Dia das Mães!
    Você merece!!!
    Meu abraço meu carinho para você
    amado amigo.
    Feliz Dia Das Mães.
    beijos e beijos com infinita
    ternura,Evanir.
    www.aviagem1.blogspot.com

    Nosso Dia Das Mães..Brasil

    ResponderExcluir
  62. Um belo sabado pra ti meu amigo,,,vamos ver amanhã,,,se vamos seguir ou passar raiva outra vez...rs...abraços.

    ResponderExcluir
  63. Nossa, de arrepiar.
    Lembrei dos meninos e meninas que perdem sua infância em uma sinaleira qualquer esperando que alguém abra o vidro do carro e lhe dê um pouco de esperança...

    Beijo, querido!!!

    ResponderExcluir
  64. Olá querido amigo poeta Wanderley Elian,
    que a tristeza se transforme em alegria plena.

    Eu não tenho filosofia: tenho sentidos...
    Se falo na Natureza não é porque saiba o que ela é.
    Mas porque a amo, e amo-a por isso,
    Porque quem ama nunca sabe o que ama
    Nem por que ama, nem o que é amar...
    Alberto Caeiro

    forte abraço

    c@urosa

    ResponderExcluir
  65. Olá amigo.

    Quando leio linhas dessas um questão me assombra e me confirma o pensamento: como o ser humano por chegar a lugares tão desumanos? Calo-me! Antes, porém, agradeço... a vc e a Marianne!

    Luz e Paz!

    ResponderExcluir
  66. Tenhamos todos um dia das Mães, harmonioso.
    Abraços. E um final de semana agradável.

    ResponderExcluir
  67. UN TEXTO LLENO DE MUCHAS SENSIBILIDADES.
    UN ABRAZO

    ResponderExcluir
  68. O gelo da vida
    que descarna os dedos
    suplicantes.

    bjs

    ResponderExcluir
  69. A tristeza, por vezes, não derrete o gelo da injustiça. Belo texto, querido amigo! Escolha perfeita e emocionante!
    Bjooo

    ResponderExcluir
  70. Boa tarde, querido amigo Wanderley.

    Passei para lhe dar um abraço.

    ResponderExcluir
  71. Um dia o homem se conscientizará de que somos todos iguais e, portanto, merecemos o mesmo tratamento. Belo poema. Ótima escolha amigo.

    Abraços e um ótimo final de semana pra ti.

    Furtado.

    ResponderExcluir
  72. Um poema questionador e reflexivo.
    Muito bonito.
    Em divina amizade.
    Sonia Guzzi

    ResponderExcluir
  73. Quando li o verso "meninos mal concebidos", lembrei das crianças que frequentemente estão sendo noticiários nos telejornais, abandonas por serem mal concebidas, tristeza por um tempo no qual seres indefesos são abortados já fora do ventre e são indesejados já sendo gente.

    ResponderExcluir
  74. Só num poema
    o gelo
    escorre ligeiro
    ágil
    invisível
    por entre os dedos

    Na realidade
    o que assim escorre
    é a vida
    não a alma
    pois essa
    sempre se vê

    ResponderExcluir
  75. Que novos valores sejam agregados na vida de todos...Para que a humanidade encontre salvação!
    Um beijo carinhoso

    ResponderExcluir
  76. Muito legal o teu espaço, Wanderley! Licença aqui para me perder em seu histórico.

    ResponderExcluir
  77. Nessas horas eu me pego pensando uqe os EUA gastou nada mais nada menos do que 1 trilhão de dólares para achar o Osama (se é que achou) dinheiro mais do que suficiente para acabar ocm a fome no mundo. Aliás eu nem tenho noção de quanto é isso de dinheiro, só sei que é muito mais muito dinheiro mesmo.
    Bom domingo!
    Beijosss

    ResponderExcluir
  78. Um círculo vicioso que repete e propaga a tristeza.

    Há saída.... É complexa, mas há.

    Beijos e uma ótima semana!

    ResponderExcluir
  79. Passando pra te desejar um bom domingo.
    Xeros

    ResponderExcluir
  80. Um feiz dia das mães pra ti meu amigo,,,abraçso a todas as mamaes ao seu redor...

    ResponderExcluir
  81. Dura realidade esta

    Beijos querido!

    ResponderExcluir
  82. WANDERLEY,

    INFELIZMENTE A TRISTEZA FAZ PARTE DA VIDA DE TODOS, DE ALGUMA FORMA, ELA SE INSTALA SEM SER CONVIDADA E NOS FAZ SOFRER, SEJA EM QUALQUER IDADE...MAS ESSA TRISTEZA DAS CRIANÇAS É ALGO QUE NOS FAZ SENTIR IMPOTENTES, É A QUE DÓI MAIS...

    CRIANÇA É PARA SER FELIZ!!

    QUE SEU DIA DAS MÃES TENHA SIDO ESPECIAL!
    BOA SEMANA.....BEIJOS!!!

    REGGINA MOON

    "Eu sei que todos os dias quando eu acordo Deus dá um sorriso e me diz: Estou te dando a chance de tentar de novo..." (Caio F. Abreu)

    ResponderExcluir
  83. Que lindo, amigo!

    Saudades,

    Bjs,Van.

    ResponderExcluir
  84. Oi Wanderlei, espero que você tenha um ótimo início de semana viu? Curta bastante a sua mamãe aí!
    :)

    ResponderExcluir
  85. Que poesia tristinha Wanderley, mas bonita. Beijos na sua mamãe. Bjssss

    ResponderExcluir
  86. ´É com muito carinho que venho matar minha saudade depois de muito tempo..
    "SAUDADE DE UM AMIGO

    Amigos, se estão distantes,

    Nos dão tristeza e saudade...

    Coração fica apertado,

    Abala a nossa amizade.



    Quando retornam, que luz!

    Nosso coração se aquece,

    Por ver que esse nosso amigo,

    Demora, mas não esquece!



    Um bom abraço e afinal

    Em uma doce união,

    Ideal mesmo é brindar,

    E alegrar o coração!



    Toda a saudade se esvai...

    Boas vindas, num sorriso,

    Amigo nunca se esquece;

    Palavras? Nem é preciso".

    Carinhosamente, deixo o meu abraço de saudades
    Sandra

    ResponderExcluir
  87. Há sempre dias tristes e felizes. A gente precisa apenas manter o coração quente ao lembrar que tudo sempre passa.

    Abraço, amigo! E vamos confiar na vida! :)

    ResponderExcluir
  88. Apenas repetindo: uma realidade no poema, triste.
    Boa semana Wanderley!
    Xeros

    ResponderExcluir
  89. Lindíssimo poema de uma realidade tão nua dura e áspera...até a água turva ao sabor do sangue...

    Beijos!

    ResponderExcluir

passou por aqui . deixe sua impressão . obrigado

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...